Perfil

SIC K

Lasanha de beringela e carne picada

Uma receita simplesmente deliciosa!

Ir a Roma e não nos deliciarmos com comida italiana pode ser, para muita gente, sacrilégio maior do que não ver o Papa. Eu por mim falo que já fui a Roma várias vezes mas nunca o vi. Já as pizzas, as massas, os canellonis e afins, não deixaram de me passar pela frente a fazer olhinhos. E que tentação… então quanto toca a lasanha.. hum…. agarrem-me senão eu como-a.

E atire a primeira pedra quem não gosta de uma boa lasanha. De carne, de vegetais, de salmão, de bacalhau, são todas óptimas e práticas de elaborar, o difícil é mesmo a escolha. E não só. Convenhamos que os molhos bechamel e as placas de lasanha não são das coisas mais saudáveis e pouco calóricas que existem.

Para dar à volta ao texto, nada melhor do que manter o sabor, cortando as calorias. É assim que surgiu de repente esta lasanha de beringela. Lá para os lados de Trastevere, numa ruela perdida, num restaurante que ganhou logo lugar de honra no meu coração. Em vez da massa, fatias de legumes; em vez do molho bechamel, molho de tomate. Muito natural e muito saborosa. No fundo, tudo o que uma lasanha tem de bom, sem o peso na consciência que normalmente a acompanha.

Receitas para 4 pessoas:

- 300 gr de carne picada (vaca, porco, o que preferir)
- 1 beringela grande
- 1 cenoura cortada em tiras fininhas
- 1 cebola
- 1 lata de tomate pelado (das pequenas)
- 2 colheres de sopa de polpa de tomate
- 100 gr de queijo da ilha
- 1 colher de sobremesa de cominhos
- 1 colher de sobremesa de alho em pó
- 1 colher de chá de piri piri
- 1 folha de louro
- azeite
- sal

Comece por cortar a beringela em fatias com cerca de 1 centimetro de espessura. Tempere com sal e um fio de azeite e leve a grelhar numa chapa em lume forte. Vá virando, para que fiquem grelhadas dos dois lados. As fatias não podem estar muito finas senão desfazem-se. Depois de grelhadas, reserve-as.

Ponha ao lume um tacho com um fio de azeite, o alho e a cebola. Quando esta já estiver alourada, junte a carne, o sal, os cominhos, o piri-piri e o louro. Envolva tudo muito bem e quando a carne já estiver um pouco frita, adicione o tomate pelado, a polpa de tomate e a cenoura às farripas. Mexa bem e tape o tacho.

A carne estará pronta em cerca de 15 minutos; se for vaca é mais rápido, mas se for porco, tenha atenção pois deve ficar bem cozinhada. Rectifique os temperos.

Carne e beringela prontas, é altura de enformar e levar ao forno.

Aqueça o forno a 200 graus. Pincele o fundo de um pirex com um fio de azeite. Forre com uma camada de beringela e por cima espalhe uma porção da carne à bolonhesa, polvilhe com o queijo da ilha ralado. Coloque outra camada de fatias de beringela, outra camada de bolonhesa e por fim o queijo da ilha.

O número de camadas depende da altura do pirex, mas três de cada é o ideal.

Coloque no forno com o grill ligado para gratinar o queijo.

Sirva com uma salada de folhas verdes.

Mais informações e receitas da Catarina Serra Lopes AQUI!

nas redes

pesquisar